Dicas

Brun de Vian-Tiran, uma fábrica bicentenária

Brun de Vian-Tiran, uma fábrica bicentenária



We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

A fábrica de Brun de Vian-Tiran ainda ressoa com a harmonia rítmica dos teares. Há mais de 200 anos, a empresa francesa se destaca no comércio de lã e perpetua, em uma tradição familiar ininterrupta, uma profissão de paixão e uma tradição rara, a da busca de fibras nobres selecionadas em cinco continentes. Uma produção exclusivamente francesa que oferece ao primeiro fabricante de mantas naturais da França um know-how único, reconhecido mundialmente. Uma retrospectiva da história de uma fabricação excepcional, integrada ao patrimônio francês.

Nascimento de uma marca

É nas margens do Sorgue, na cidade de Isle-sur-la-Sorgue, no departamento de Vaucluse, que nasce a icônica marca de roupa de cama Brun de Vian-Tiran. Criado em 1808 por Charles Tiran e Pierre-Laurent Vian, seu genro, que na época era apenas um pequeno moinho que parecia pisar nos tecidos desenvolvidos rapidamente e se tornou em menos de um século uma manufatura excepcional integrando todas as etapas da fabricação ... Pesquisa de fibras de lã (Merino da França, América do Sul ou Austrália, Camelo da Ásia, Alpaca do Peru, Lama da Bolívia, Yack, Caxemira do Irã, China e Mongólia), cardagem, fiação, tecelagem, trituração, raspagem e outros acabamentos, confecção e acolchoado-acolchoado de colchas cheias de fibras de lã. Oito gerações depois, os descendentes diretos de Vian e Tiran continuam a perpetuar o artesanato de lã, oferecendo uma gama de produtos diversificados para todas as estações e para todos os gostos: cobertores, colchas, cobertores, mantas, travesseiros, lenços e xales, destinado a clientes exigentes, procurando o belo, o raro e o útil. Muitas distinções e rótulos marcam o curso de Brun de Vian-Tiran. Hoje, a fábrica é considerada por todos uma empresa confiável e de qualidade, graças aos seus produtos excepcionais que ajudam a trabalhar para a proteção de animais, pessoas e natureza.


Crédito da foto: Manufacture Brun de Vian-Tiran

50 anos de angorá em Brun de Vian-Tiran

Entre seus principais produtos, o angorá de lã feito a partir do velo da cabra Angora da Ásia Menor é o favorito. Há cinquenta anos, Brun de Vian-Tiran trabalha com essa fibra natural que combina isolamento térmico, leveza, estética e sensualidade. Nada óbvio, porém, na escolha desse material que, à primeira vista, surpreende mais do que seduz! De fato, o entrelaçamento de seus fios fornece transparência à tecelagem, o que pode causar preocupação, principalmente para a realização de mantas e mantas. Isso, no entanto, não assustou a manufatura, que foi conquistada por seu grande poder isolante. Assim, por iniciativa de Louis Brun, o primeiro cobertor de angorá cor de mel foi desenvolvido em 1962. Muitos produtos derivados nas cores dos doces azedos verão a luz do dia: criação de mantas de mohair em 1964 e colaboração com o estilista Coco Hellein em 2014 para a criação de uma coleção de cápsulas em mohair. Mais de cinquenta anos depois de ter desenvolvido seus primeiros cobertores Mohair, a empresa Brun de Vian-Tiran declinou desde todos os seus cobertores e tapetes que trazem calor e suavidade aos interiores.
Crédito da foto: Manufacture Brun de Vian-Tiran

Coco Hellein assina coleção de cápsulas de mohair para a fabricação de Brun de Vian-Tiran

Reconhecida especialista em design, cores e materiais, Corinne Hellein, mais conhecida sob o nome de Coco Hellein, cria criações contemporâneas cheias de sensibilidade e imaginação com linhas gráficas e fluidas inspiradas em suas frequentes viagens aos quatro cantos do mundo. A designer, que por 20 anos foi diretora criativa da Robert le Héros, traz em 2014 para a Brun de Vian-Tiran todo o seu know-how, sensibilidade e alegria feminina, respeitando as fibras naturais e a tradição de fabricação. Uma associação coerente que não passou despercebida pela equipe editorial!
Crédito da foto: Manufacture Brun de Vian-Tiran